15167670_1857568717806619_959791383073333215_o

ABAIXO A PEC 55, A REFORMA DA PREVIDÊNCIA E O GOVERNO TEMER!

Por Assessoria do Mandato da Juliana Donato – CAREF – Banco do Brasil

 

Colegas,

Hoje, a tela inicial do SISBB está mostrando o total de desligamentos previstos pelo PEAI, e informando que o TAO Especial está disponível. São 9.409 colegas que estarão se aposentando, em vagas de escriturário e em comissões que não serão repostas.

O Banco “bateu” a meta mínima de redução de quadro que haviam anunciado. Em boa parte, o número atingido se deu pelas mudanças realizadas nas regras do Economus, visando a adesão de colegas oriundos do Nossa Caixa.

Hoje, nós temos 12.374 colegas comissionados que são considerados excedentes pelo banco (794 no Rio de Janeiro), dos quais 5.424 (405 no Rio) estão com desligamento pendente. O restante disputará as vagas disponíveis na mesma função, que em alguns casos só existirá em outra cidade ou mesmo em outros Estados (como na GECOI, por exemplo). São 4.392 vagas disponíveis, sendo 247 na nossa cidade. Ou seja, em nossa base, 142 colegas serão descomissionados. No país inteiro, serão 2.558 colegas perdendo a comissão.

É importante que tenhamos clareza de que o TAO Especial não resolverá o problema. O banco está cortando postos de trabalho e eliminando as comissões. Se todos os que aderiram ao PEAI de fato se desligarem, mesmo assim, 20,67% dos colegas considerados excedentes ficarão sem qualquer oportunidade.

Não é hora de pensar em saídas individuais. É necessário combatermos o plano de conjunto e lutarmos para que ninguém fique para trás. Neste sentido, é fundamental que os Sindicatos convoquem assembleias para que possamos discutir um calendário de mobilização.

E é preciso ter em mente que a nossa luta se insere na luta mais geral de enfrentamento com o governo. Precisamos apoiar e nos apoiar nas lutas contra os ataques a Previdência e aos direitos trabalhistas, e também na luta contra a corrupção. A reestruturação do BB é parte do projeto político de Temer, e deve ser enfrentado e posto pra fora junto com este.

Hoje, 13/12, haverá mais um ato nacional contra a PEC55.

Convocamos a todos e todas para estarem presentes na Candelária, a partir das 17:00h, para irmos juntos com outras categorias, enfrentar o Ajuste Fiscal.